Bispo de Vila Real quer celebrar a “vinda de Jesus e não o culto do Dinheiro”

| 2017-12-19

A sociedade contemporânea é afetada pelo “curto-circuito do eclipse de Deus e da idolatria do progresso”.

Sé Vila Real

O Bispo de Vila Real, D. Amândio Tomás, na sua Mensagem de Natal desafia as comunidades católicas a celebrar, no Natal, a “vinda de Jesus e não o culto do dinheiro”. E ainda questiona com o podemos “falar do Natal num mundo secularizado, pós-cristão, enredado na fantochada celebrativa do regabofe do prazer divinizado?”

Por isso, o bispo pede aos seus diocesanos e, no geral, a todos os católicos que “espereis e celebreis a vinda de Jesus e não o culto do dinheiro, o narcisismo e a escravidão, porque é Cristo, que devemos celebrar e não o egoísmo, os ídolos e as bugigangas, que distorcem a Vinda do Filho de Deus, que se privou da glória e nos veio dar a vida”.

Na mesma mensagem o bispo ainda escreve que a sociedade contemporânea é afetada pelo “curto-circuito do eclipse de Deus e da idolatria do progresso”.

E portanto D. Amândio Tomás refere que “A Festa do Natal deve espelhar a santidade e a dignidade e levar-nos a Jesus, sempre disponíveis e abertos a Deus, como Maria Santíssima, os Pastores e os Magos”.

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter