Cardeal Piacenza e Bispo de Leiria rezam por cristãos perseguidos

| 2017-09-13

“A mensagem profética de Maria” continua atual, afirmou o Cardeal Piacenza

D. António Marto e cardeal Mauro Piacenza em Oração

O Bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, na abertura oficial da peregrinação Internacional Aniversária de Setembro, que assinala a quinta aparição de nossa senhora aos Pastorinhos, lembrou as “vítimas dos incêndios” e referiu que “Aqui em Fátima experimentamos de modo particular que temos uma mãe, como aqui disse repetidamente o Papa Francisco”.

Esta peregrinação é presidida pelo Cardeal Mauro Piacenza, Penitenciário-Mor da Santa Sé que deu as boas vindas aos peregrinos “à terra da Senhora vestida de branco” para de seguida colocar esta “peregrinação, peregrinação de fé, sob a proteção dos Pastorinhos: que eles nos ajudem a compreender a verdadeira mensagem de Fátima”, pediu o prelado.

O cardeal italiano fez referência ao Centenário das Aparições e afirmou que “a mensagem profética de Maria” continua atual não se limitando ao período de 1917 a 2000, ano da revelação do terceiro segredo.

E deixou a certeza de que “Olhando para o cenário mundial, seria impossível negar a atualidade de Fátima”. E deixou o alerta para o risco da implementação de uma “ditadura do pensamento único” e da “guerra aos bocados” a nível mundial que o Papa Francisco tem vindo a denunciar e que “poderia deflagrar de um momento para o outro”.

Esta celebração ficou marcada pela Oração conjunta pelas vítimas dos incêndios, pelos refugiados e pelos cristãos perseguidos. 

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter