Em Maria vemos a “a ternura e o sorriso de Deus”, disse o bispo de Leiria-Fátima

| 2017-12-08

“Maria imaculada é mãe do Amor fraterno e belo de Deus”

O Bispo de Leiria-Fátima presidiu à missa da Solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria, no Recinto de Oração, no Santuário de Fátima.

Na homilia que fez lembrou que este dia é sempre especial e ainda mais quando uma “enorme multidão” se reúne para fazer a Festa da Imaculada Conceição, da “nossa mãe espiritual e isso faz-nos sentir todos filhos e irmãos, na mesma comunhão de Fé em Jesus e de devoção a nossa Senhora”.

O Bispo não esqueceu de agradecer aos milhares de peregrinos presentes no recinto de Oração, mesmo num dia “em que a chuva e o frio” também quiseram marcar presença.

O prelado também não esqueceu os seus “amiguitos e amiguitas” e recordou-lhes que este é o “dia da mãe de Jesus”.

“É belo, verdadeiramente belo, contemplar hoje este recinto, porque Maria reúne ao seu redor os filhos que vêm peregrinos para a ver, para contemplar o seu rosto, mas também para se deixarem olhar por ela” disse.

Depois apresento três pensamentos “simples e breves” sobre este dia.  

“O que significa para nós Maria Imaculada? O que nos diz? Como ilumina a nossa vida cristã? O que nos Atrai nela?” Questionou o Bispo de Leiria-Fátima, para de seguida dizer que reconhecemos Nela “a ternura e o sorriso de Deus. É nela que vemos a beleza e a ternura eterna de Deus que nos acompanha e nos dá fortaleza para vencermos o mal que surge no nosso caminho” e este é o primeiro pensamento referiu D. António Marto.

Depois reconhecemos Nela “a nossa vocação. A vocação a que Deus nos chama como filhos e filhas a sermos Santos e puros no Amor, na caridade, na fraternidade, em qualquer estado da nossa vida, laical, matrimonial, sacerdotal em todas as nossas condições. Porque todos podemos ser santos na Graça de Deus” exaltou o prelado.

Contemplando Maria Imaculada, toda Santa e Bela descobrimos o exemplo de uma “humanidade renovada e santificada em Cristo” com ela ao “nosso lado como Mãe Santa e Imaculada é dela que ouvimos uma mensagem de consolação, de amor e de esperança”.

Por fim o Bispo de Leiria-Fátima apelou aos peregrinos presentes, dizendo que apenas exprimia por palavras o sentimento de Maria: “Meu filho, minha filha tem coragem de deixar entrar Deus na tua vida e de te deixares envolver pela sua Graça. Não tenhas medo de Deus, tem a coragem de arriscar com a tua Fé em Maria, com a bondade, com o coração puro, com a santidade divina. Faz uma Aliança com Deus e verás que a tua vida será cheia de infinitas surpresas porque a bondade de Deus nunca se esgota. Assim a tua vida será mais bela, mais humana, mais cristã, mais fraterna”. E terminou dizendo que “Maria imaculada é mãe do Amor fraterno e belo de Deus”. 

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter