Papa recebe Aung San, Prémio Nobel da Paz

| 2017-05-03

Uma situação de perseguição por defenderem a sua Fé

Aung San Suu Kyi

Na quinta feira, o Papa Francisco receberá, pela segunda vez, neste pontificado, Aung San Suu Kyi, a birmanesa que é prémio Nobel da Paz, segundo nota enviada à Agência Ecclesia. Um encontro marcado para as 09h30 locais (08h30 em Lisboa).

O Papa tem estado atento à situação dos ‘rohingya’, que estão refugiados no Golfo de Bengala e no Mar de Andamão, por terem sido vítimas de perseguição em Mianmar.

Durante a audiência pública semanal no vaticano, o Santo Padre alertou que foram expulsos e que têm andado de um lado para o outro porque ninguém os quer, mas logo de seguida referiu que “São pessoas boas, pacíficas. Não são cristãos? São bons, são irmãos e irmãs nossas, que sofrem há anos: foram torturados, mortos, simplesmente por manterem as suas tradições, a sua fé muçulmana”.

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter