Presidente da Colômbia saúda “empurrão” do Papa na reconciliação nacional

| 2017-09-07

Uma visita pela reconciliação

Papa Francisco rompe protocolo (Foto: Exército da Colômbia)

O Presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos considera que, esta visita, do Papa Francisco é um “empurrão, na reconciliação nacional, depois de décadas de guerra civil.

O presidente afirma que a primeira visita de Francisco ao país sul-americano, como Papa, pretende “animar todos a construir a paz, juntos, com paixão, com coração e, sobretudo, unidos”.

O Papa Francisco quebrou o protocolo para cumprimentar soldados feridos em combate, ainda na área do aeroporto. E o presidente apresentou-os como “heróis” que permitiram ao país a conquista da paz.

Francisco recebeu, como presentes, objetos típicos das várias regiões colombianas, incluindo uma pomba branca, em porcelana, com símbolo da paz.

A obra foi entregue por Emanuel, filho de Clara López, nascido quando a sua mãe estava sequestrada pelas FARC, grupo recém-desmobilizado.

(Com Ecclesia)

 

 

 

 

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter