Santuário lança livro “Fátima no coração”

| 2017-06-06

Um livro de João Manuel Ribeiro

Livro Fátima no Coração

“Fátima no coração”, é o titulo de livro infantil que o Santuário de Fátima vai lançar, a 10 de junho, pelas 17h00, na Sala de Imprensa do Santuário de Fátima. 

Uma obra da autoria de João Manuel Ribeiro que conta com ilustrações de Bolota e que surge integrada nas celebrações do Centenário das Aparições de Nossa Senhora aos pastorinhos.
Trata-se de um livro destinado às crianças que conta a história de tr~es amigos: a Isabel, o João e a Ana – que vão passar uma semana de férias, na companhia da avó Amélia – tempo que servirá para rezar e conhecer a mensagem de Fátima, por um lado, e para descansar e descobrir o lugar dos acontecimentos, por outro. Os três amigos, guiados em cada dia por uma “pista” bíblica, vão descobrir a importância e o significado de vários locais de Fátima, como a Capelinha das Aparições, a Basílica de Nossa Senhora do Rosário, onde se encontram os restos mortais dos pastorinhos, a nova Igreja da Santíssima Trindade, entre outros, lê-se no site do Santuário de Fátima
O Santuário já tinha lançado o livro “A Missão do Francisco” de maria Teresa Maia Gonzalez também destinado a um público mais jovem.
Estes dois livros têm em comum a intenção de abordar os conteúdos da mensagem de Fátima numa linguagem dirigida às crianças de hoje.
Em declarações à página do Santuário Pedro Valinho Gomes, responsável pela edição destes volumes, adianta que o projeto responde a uma inquietação do Santuário: “Questionamo-nos frequentemente sobre como transformar a história simples de três crianças do início do último século – Lúcia, Francisco e Jacinta – que foram tocadas pela luz de Deus de forma a que os leitores de hoje, mais ou menos jovens, sintam o mesmo fascínio por essa luz que transforma as vidas. A história que o livro Fátima no coração conta é precisamente a do crescimento desse fascínio, desse maravilhamento dentro do coração de três crianças de hoje”.
O autor do livro, por seu lado, afirma que “não podia estar mais honrado por conseguir lançar mais uma obra sobre um lugar tão especial para os Católicos” que não é “apenas um lugar de culto mas também de cultura e lazer. E dizer isto aos mais novos é algo que julgo que nunca se fez”.

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter