Torneio assinala primeiro mês de vida do LisPadel

| 2017-12-01

A 8 e 9 de dezembro

 

O LisPadel Clube organiza o primeiro open apenas um mês depois da sua abertura ao público, na zona industrial dos Pousos, em Leiria, na sexta-feira e sábado (8 e 9 de dezembro), com o objetivo de divulgar a modalidade, praticada por dois milhões de desportistas na Península Ibérica.

O diretor do clube, João Brajal - personal trainer e praticante de padel há dois anos -, explica que este primeiro open “é social”, mas a sua intenção é organizar provas oficiais no próximo ano, já com o envolvimento da Federação Portuguesa de Padel.

 O 1º Open LisPadel está aberto à participação de 12 duplas masculinas por categoria (II, III e IV) e nove na competição mista. A dupla vencedora em cada categoria recebe prémios e os participantes têm direito a uma t-shirt e água gratuitas. As inscrições fazem-se através do email reservas@lispadel.pt ou do telefone 919286066.

João Brajal aposta no 1º Open LisPadel para promover o clube, que “está a corresponder às expetativas em número de praticantes, que são cada vez mais, e o clube ainda está na fase inicial de divulgação”.

O LisPadel Clube ocupa uma área de mil metros quadrados, incluído os três campos cobertos. O projeto, inaugurado a 1 de novembro, criou três postos de trabalho e corresponde a um investimento de 80 mil euros.

 Os praticantes da modalidade podem alugar os campos, no clube, no site ou na aplicação da LisPadel, à hora ou em pacotes, por exemplo de 30 ou 60 horas.

O clube situa-se a cinco minutos do centro de Leiria, oferendo condições excelentes para a prática desportiva, balneários femininos e masculinos com duche, loja de material técnico com representação exclusiva da conceituada marca NOX, zona lounge com bar e vista superior para os campos.

O espaço possui ainda uma zona dedicada à preparação física, com base no treino funcional,

estacionamento e Wi-Fi.

Os três campos de padel de última geração têm as medidas oficiais e iluminação LED, cumprindo o regulamento para a realização de torneios. Um professor experiente está à disposição de quem se queira iniciar ou aperfeiçoar a técnica na modalidade.

Em Espanha estima-se que existam mais de dois milhões de praticantes. Em Portugal haverá entre sete mil e nove mil praticantes ocasionais e regulares e mais de 100 campos espalhados por mais de 50 locais.

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter