Governo declara estado de calamidade pública no interior do país

| 2017-08-17

Previsão aponta para temperaturas acima dos 40 graus

Governo declara estado Calamidade pública

A previsão de subida de temperaturas, com agravamento do risco de incêndio a partir de sábado, levou o Governo, à decisão, de declarar o "estado de calamidade pública com efeitos preventivos" nos distritos das regiões Centro e Norte e ainda alguns concelhos do distrito de beja e so Sotavento Algarvio.

Uma decisão tomada, esta quinta feira de manhã, pelo Primeiro-Ministro, António Costa e pela Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa. Uma medida que permite ao Governo adotar medidas excecionais de colocação de meios nestas zonas.

Nesse sentido, amanhã, sexta feira, haverá uma reunião na Residência Oficial, uma reunião com o Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, com o Comandante Geral da GNR, Comandante Nacional de Operações de Socorro e Presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, "tendo em vista a mobilização máxima de meios e pré-posicionamento nas zonas de maior risco".

Ainda no dia de hoje, o Governo vai reunir com os presidentes das câmaras Municipais "tendo em vista a identificação de outras medidas que devam ser adoptadas com carácter preventivo".

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter