Incêndio consome prédio em Londres

| 2017-06-14

O fogo terá começado no segundo andar e tornou-se incontrolável

Os últimos dados sobre o incêndio num prédio habitacional de 27 andares, na zona central de Londres, indicam que duas crianças portuguesas estão internadas, com prognóstico reservado, enquanto que os pais foram assistidos, encontrando-se bem de saúde, adianta fonte da Secretaria de Estado das Comunidades.
Neste prédio que foi consumido pelas chamas viviam quatro famílias portuguesas e segundo as autoridades há, pelo menos, 50 feridos e seis mortos. Tal qual as causas para este incêndio. As autoridades evacuaram a zona envolvente ao edifício porque temem que o prédio possa colapsar. Além disso, temem que possa haver gente no interior do edifício. Há testemunhas que dizem ter ouvido pessoas a gritar e existem relatos de quem se tenha atirado pela janela. Ouviram alguns sons semelhantes a explosões e vidros a partirem.
O fogo terá começado no segundo andar e tornou-se incontrolável. Testemunhas descrevem o cenário como dantesco e garantem que os alarmes de incêndio não soaram e se tocaram foi muito baixo, já que ninguém ouviu.
As vitimas e os desalojados deste incêndio estão a ser apoiados pelos moradores da zona e também pela Cruz Vermelha
No combate às chamas estiveram 200 bombeiros e 40 viaturas

 

 

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter