Bispo nomeia equipa diocesana para acompanhamento de casais em dificuldade

| 2019-05-16

Peritos em ciências humanas, juristas e sacerdotes respondem a desafio inspirado pelo Papa Francisco

O bispo do Porto, D. Manuel Linda nomeou uma equipa diocesana para acompanhamento de casais em dificuldade, com peritos em ciências humanas, juristas e sacerdotes.

O decreto de nomeação, assinado por D. Manuel Linda, recorda que esta equipa tinha sido anunciada no documento ‘Anunciar o Evangelho da Família é a nossa missão’, divulgada em março, sobre os desafios pastorais da família na Diocese do Porto à luz da ‘Amoris laetitia’, a exortação apostólica assinada pelo Papa Francisco.

A equipa visa “promover uma pastoral da reconciliação e da mediação” e é nomeada por um período de três anos, de forma experimental.

Os elementos escolhidos por D. Manuel Linda são quatro casais, peritos em ciências humanas; dois colaboradores na área jurídica; e cinco sacerdotes, já ligados à pastoral familiar.

A Diocese do Porto divulgou, no início da última Quaresma, um conjunto de “orientações para a pastoral familiar”, apresentadas pelo seu bispo, nas quais se admite o acesso de católicos divorciados e em segunda união aos sacramentos da Reconciliação e da Eucaristia.

As orientações pastorais propõem a instituição de equipas, constituídas por casais, médicos, psicólogos, juristas, mediadores de conflitos e sacerdotes, para “promover uma pastoral da reconciliação e da mediação”.

“O percurso de acompanhamento e discernimento destas situações complexas passa por uma maior e melhor integração na vida da comunidade e um possível acesso aos sacramentos da Reconciliação e da Eucaristia”, refere o texto, enviado à Agência ECCLESIA.

(Agência Ecclesia/OC)

Partilhe esta notícia

Subscreva a nossa newsletter